[PSP] The 3rd Birthday – Parasite Eve [Detonado + DNA Board Guide]

Publicado: 4 de maio de 2011 em Games, PSP
Tags:, , , , ,

Em respeito aqueles que tem enviado comentários e me questionado sobre a continuidade do Detonado, principalmente da parte do DNA Board, eu peço desculpas pela demora nas atualizações. Estou muito envolvido em questões pessoais e profissionais ultimamente que tem me impedido de dar continuidade da forma como gostaria a esse magnifico projeto. Porem, sempre que possível, estarei realizando atualizações e dando continuidade ao mesmo. Recentemente com nascimento da minha filha, mudança de funções no trabalho e alguns projetos pessoais não tenho conseguido dedicar o tempo que gostaria ao Game, mas farei meu melhor daqui em diante para tentar atualizar o blog com mais frequência.
Bom, acabo de concluir esse magnifico jogo e depois de muita dor de cabeça e sofrimento, aprendi muitas coisas e vou compartilhar com a galera.
Sempre fui do tipo que gosto de fazer tudo sozinho, e quando o assunto são games, não é diferente. Tenho centenas de revistas com detonados, dicas e cheats em casa, mas sempre termino o jogo antes de chegar a verificar algo do tipo e costumo fazê-lo apenas para ver se deixei algo para trás. ainda não achei nenhuma revista ou detonado decente que tenha exatamente tudo que acontece em The 3rd Birthday (na verdade nem procurei, mas algumas coisas que eu vi foram em inglês e estavam ainda bem incompletas) e creio que se trata de um jogo muito extenso, complexo e cheio de conteúdo a ser desbloqueado, o que com certeza fará com que se leve um certo tempo até conseguirem colocar na mídia algo que seja realmente bom.
Pensando nisso, resolvi eu mesmo fazer um “Guia”, cobrindo o que eu descobri com minhas experiências no jogo, além dos caminhos a serem seguidos, dicas pra conseguir passar por alguns lugares meio complicados e também um manual para o “tão útil e incompreendido” DNA Board, que se usado da maneira correta pode literalmente salvar sua vida durante o jogo.
Esse guia não ambiciona ser um “Detonado definitivo” nem se sobrepor as suas próprias experiências durante o jogo. Além disso, ainda estou jogando, descobrindo coisas novas e consequentemente, fazendo atualizações constantes nele. Somado isso tudo as varias versões existentes do jogo (JPN, USA e EUR) com controles, bônus e outras características próprias de cada um fazem com que ele seja um texto em constante mudança.
Considerações:
Inicialmente estarei montando o guia baseado na versão americana do game (USA), com seus bônus e extras próprios, que com certeza são em sua maioria diferentes das outras versões como já pude averiguar. Além disso, caso você esteja jogando pela primeira vez e ainda esteja no meio do processo e seja como eu, que gosta de acompanhar a historia do game, saiba de ante-mão que esse guia pode conter SPOILERS, que são informações referentes ao enredo durante o desdobrar dos acontecimentos. Os mesmos serão precedidos de um AVISO e caso queira você mesmo desvendar os acontecimentos, basta pular o trecho com a narrativa e ir direto ao detonado. A cada sessão que for iniciada estarei apresentando todos os fatos daquele capitulo antes de prosseguir com o guia, como a mudança de timeline que ocorre entre os capítulos, files dos personagens e afins, além é claro de desdobrar um tempo para tratarmos de alguns aspectos relacionados aos UPGRADES entre um capitulo e outro do jogo. Se não for pedir demais, caso venha a usar meu material em outras vias de publicação (revistas, panfletos, encarts, etc) ou outros sites, tenha o mínimo de consideração e me notifique. Não será permitido nenhuma forma de utilização desse material com fins financeiros. Caso haja o interesse de explorar esse material comercialmente e o mesmo não me seja notificado, existem meios legais em que eu possa recorrer, então, sempre que vier a utilizar esse material para qualquer outro fim que não seja o já utilizado por mim, me faça ter conhecimento prévio.
AVISO:
Pirataria é crime previsto em lei, ou seja, não incentive a pirataria, não dê asas ao crime nem incentive o criminoso. Se você gosta de games, então compre os mesmos. Sei que no país que vivemos a carga tributária sobre os jogos é absurda e sempre pagamos mais caro que qualquer outro pais no mundo. por isso existem iniciativas como a do pessoal do JOGO JUSTO, que tem lutado por melhores preços para os jogos no Brasil. Saiba que, é de acordo com a demanda que as empresas de games levam seus títulos para determinados países. Se nós piratearmos ao invés de comprarmos, qual será nosso incentivo para que essas empresas venham ao nosso país e possamos desfrutar de games mais baratos e de qualidade?
Não me peça arquivos de downloads ou links para baixar games, pois isso apenas me fará ignorá-lo, portanto, não perca seu tempo e valorize o meu. Quer o game? Então compra!


The_3rd_Birthday_Cover
Nome do jogo:The 3rd Birthday / Za Sädo Bäsudei
Produtora: Square Enix / Hexadrive
Ano: 2010
Mídia: 1 UMD

Indice:

  • Aspectos desse Guia [ASP];
  • Copyright [CPR];
  • Introdução – Review [INT];
  • Personagens [PRS];
  • Controles [CTR];
  • Menus e Configurações [MNU];
  • Weapons & Customization (Armas e customizações) [WNC];
  • Guia do DNA Board [DNA];
  • Introdução ao Enredo [ENR];
  • Detonado [DTN];
  • Extras [EXT];
  • Conclusão e considerações Finais [CNC];
  • Changelog [CHG];
  • Bibliografia e Referencias Externas [BBG];

    1. Aspectos desse Guia [ASP];

  • Esse guia foi dividido da seguinte forma:
  • A cada sessão foi incluído uma chave depois do titulo, entre colchetes, que pode ser usado para se navegar dentro do tutorial apenas pressionando Crtl + F, que irá abrir a tela de pesquisa do seu navegador (ou pelo menos nos navegadores mais usados). Para ir a uma sessão específica, como o DNA Board por exemplo, basta pressionar Ctrl+F e buscar [DNA] e irá cair direto nessa sessão.
  • Todos os SPOILERS serão precedidos do titulo SPOILER, para notificar que informações pertinentes ao enredo serão narrados nessa sessão, permitindo com isso que você possa saltar essa sessão caso não queira ser informado do enredo durante sua navegação pelo guia.
  • Após cada capitulo terá uma sessão no capitulo seguinte apenas para as explanações de atualizações do TIMELINE e das mudanças dos FILES dos personagens.
  • Esse guia sofre atualizações conforme novas coisas forem surgindo. podem ser atualizações constantes ou esparsas, dependendo do meu tempo livre e da frequência com que eu esteja jogando. Caso você esteja acompanhando meu guia e encontre alguma informação incorreta, equivocada ou algo que possa ser feito de uma melhor forma, me avise e estarei atualizando o mesmo.

    2. Copyright [CPR];
    Esse artigo foi totalmente escrito e desenvolvido por mim, baseado em minhas experiências e descobertas pessoais durante o jogo. Qualquer outro local de postagem ou meio de vinculação que não seja a partir desse site e com minha autorização/conhecimento prévio é considerado plágio e me sentirei no direito de acionar os meios legais caso me sinta prejudicado por isso. Além disso, qualquer outro trabalho associado ou baseado no trabalho aqui apresentado deve conter em suas referencias o direcionamento devido ao autor e local de origem do conteúdo. Caso você usuário encontre esse material ou qualquer referencia a ele em outro site, por favor, me faça conhecer para tomar as providencias cabíveis.


  • 3. Introdução – Review [INT];
    Esse game é baseado originalmente na franquia Parasite Eve, criada inicialmente para o console PSX da Sony, lançado originalmente em 29 de março de 1998 no Japão e 9 de Setembro do mesmo ano no Ocidente.
    SPOILERS:
    3.1 – Parasite Eve (PSX, 1998):
    Parasite Eve trazia a historia de Aya Brea, uma Detetive da policia de Nova Iorque que acaba descobrindo alguns aspectos do seu passado após um incidente durante uma apresentação de Ópera, que revela a ela ter poderes “MITOCONDRIAIS” devido a uma transfusão de córneas onde recebeu um olho de sua irmã, quando essa faleceu na sua infância. Esses poderes permitiam a ela grandes liberações de energia e até mesmo o controle de mitocôndrias de outros indivíduos. o Jogo trazia diversos conceitos novos para um RPG na época, como uma integração a “lá Resident Evil” mas sem perder os conceitos básicos de um RPG. O jogo fez tanto sucesso no Japão que ganhou uma sequencia um ano depois, em 1999, sucesso esse que não se refletiu muito no ocidente, o que causou o “congelamento” da franquia desde então.3.2 – Parasite Eve II (PSX, 1999/2000);
    Após os eventos ocorridos em Parasite Eve, foi criada uma equipe chamada M.I.S.T., que seria responsável pelo controle das mutações decorrentes dos eventos com as mitocôndrias, as neo-mitocondrias (N.M.C – Neo Mitochondrial Creatures). Nesse game temos já alguns personagens que viriam a fazer parte de The 3rd Birthday, como o policial Kyle Madigan.
    3.3 – The 3rd Birthday (PSP, 2010);
    24 de Dezembro de 2010.
    Dez anos após o encerramento dos incidentes envolvendo as mitocôndrias em Nova Iorque começam a surgir na cidade uma suspeita espécie alienígena, denominada “Twisted’s”. Essas criaturas aparentemente se alimentam de humanos e se multiplicam de forma incrivelmente rápida, aparecendo de repente em diversas partes do mundo. Com a expansão violentamente rápida dos “Twisted’s” Nova Iorque se vê rapidamente no meio de uma espécie de “Ninho” com torres vivas imensas que mais tarde seriam denominadas de “Babel’s”. Em meio a essa situação caótica, o governo norte-americano decide criar uma divisão de pesquisa denominada C.T.I. (Counter Twisted Investigation), que descobre então que as criaturas possuem a habilidade de voltar no passado o que explica o fato de estarem tomando conta tão rápido do presente.
    A partir dessa descoberta, o então chefe da C.T.I. Hyde Borh desenvolve o sistema chamado OVERDIVE SYSTEM, capaz de transportar a consciência de uma pessoa para o passado a fim de poderem investigar e impedir certos acontecimentos no futuro. Porem, para que se possa usar o aparelho, a pessoa deve possuir em seu DNA a capacidade de se adaptar ao DNA do hospedeiro no passado, visto que não é possível a pessoa enviar sua consciência a sí mesmo no passado, apenas  incorpora-la a consciência de outra pessoa. Após meses de pesquisa e sem encontrar alguém capaz de usar o equipamento, o doutor Hyde Borh encontra uma jovem do lado de fora de uma igreja. Vestida de noiva e muito ferida, ele a leva para ser tratada com a equipe da C.T.I. e após algumas pesquisas, acredita ser Aya Brea, a mesma envolvida nos eventos das mitocôndrias dez anos atrás.
    Sendo conhecedor dos eventos “mitocondriais”, Hyde Borh faz algumas pesquisas em Aya e descobre que ela é a única pessoa capaz de usar o OVERDIVE SYSTEM, visto a sua capacidade mitocondrial além de seu treinamento militar e maturidade com eventos incomuns a recrutando para fazer parte da C.T.I.. Porém, eventos recentes fizeram com que Aya perdesse parte de sua memória, além de te-la deixado completamente abalada e fragilizada, o que a leva hesitar em aceitar fazer parte da C.T.I. de imediato.
    24 de Dezembro de 2013.
    Três anos apos o aparecimento dos Twisted e do surgimento de Babel, Aya decide integrar a  C.T.I. e auxiliar nas investigações que levariam ao fim dessa calamidade. Além disso, Aya começa a perceber que muitas coisas envolvendo seu passado podem ser solucionadas através dessas investigações, o que a leva a começar sua luta contra os Twisted’s.
    FIM DO SPOILER


    3.4 – Review:Graficamente falando, jamais foi visto um game tão bem elaborado no PSP. O game parece ter levado a engine gráfica do console ao limite, nos dando belas sequencias em CG e ótima qualidade de imagem durante todo game. Além disso, a trilha sonora dá um show a parte, trazendo ótimas batidas de dance com um clima bem tenso e sombrio nos momentos de batalhas. O som de fundo fica bem intenso quando existe algum inimigo aos arredores, dando lugar a um som mais “ambiente” quando você despacha todos os inimigos da área. O Jogo é linear, são 6 capítulos divididos entre sí por prólogos em CG e que resultam sempre em alguma mudança no TIMELINE do jogo e nos PROFILES dos personagens. As ferramentas e menus são simples e intuitivos, salvo é claro pelo menu do DNA Board, que demanda um certo tempo pra que você consiga se adaptar.
    Lógico que tudo isso não viria sem uma batelada de extras e missões paralelas, além é claro de um nível ridículo de dificuldade em algumas missões, mas nada que faça o jogador desistir do game, dando um algo mais ao fim de cada missão.
    Sem dúvida um jogo indispensável ao seu acervo!


    4. Personagens [PRS];

    snap006snap007
    Aya Brea:
    Segundo a cronologia da série, ela deve ter em torno de 39 anos agora, porem, devido a seu metabolismo desenvolvido por causa dos seus poderes mitocondriais não apresenta ter mais que 20 anos de idade.
    Fez parte da policia de Nova Iorque, além de ter sido a pessoa responsável pelas investigações da equipe M.I.S.T. durante os eventos mitocondriais de 2000. Seu DNA em conjunto com os poderes mitocondriais que possuem a tornam a única pessoa capaz de usar o OVERDIVE SYSTEM, apesar do risco desse sistema poder causar a perda permanente de sua consciência caso dê algo errado, tornando-a um vegetal vivo (pense numa uva!!!! o.0).
    Aya nasceu em Boston, Massachusetts, em 20 de novembro, 1972. Ela é de etnia mista, o seu pai, cujo nome não é revelado, é jornalista, enquanto sua mãe, que é conhecido como Mariko era japonesa. Isso lhe dá uma aparência única, no que ela possui muitas características asiáticas, tais como a forma do rosto e olhos, possuindo olhos azuis e cabelo loiro. Aya nasceu com uma deficiência em um dos olhos. Ela tinha uma irmã chamada Maya que, juntamente com sua mãe, morreu em um acidente de automóvel em torno de dezembro de 1978.
    Depois da morte de Maya, seus órgãos foram preservados, o que permitiu uma de suas córneas serem transplantadas para Aya, em 1979. Ao mesmo tempo, um dos rins de Maya foi transplantado para uma jovem garota chamada Melissa Pearce. Um fato desconhecido por qualquer um dos médicos era de que as mitocondrias de Maya Brea eram altamente evoluídas e começaram a mudar a estrutura genética de Melissa e Aya.
    Quando jovem, Aya estudou criminologia na Universidade de Virgínia e foi envolvido em seu programa ROTC, mas nenhum registro do serviço militar jamais foi mencionado no jogo. Mais tarde ela se tornou uma detetive da 17º Delegacia de Polícia de Nova Iorque. Nos primeiros seis meses de trabalho na delegacia, Aya se envolveu em um incidente conhecido como o “New York blockade Incident To The General Public”. Como oficial, ela se tornou parte do “Father and Daughter Team”,onde foi parceira de Daniel “Bo” Dollis , um policial veterano, que pode ser considerado , na pior das hipóteses, excessivamente protetor dela.


     
    Hyde Borh:
    Hyde Bohr nasceu na Dinamarca e cresceu com o pai físico, como tal, ele era constantemente cercado por nomes famosos no campo.
    Originalmente emigraram para a América depois da formatura, Hyde dedicou-se a investigação no domínio da mecânica quântica. Em 1999 ele foi convidado para se tornar um gerente de projeto no Escritório de Ciências da Defesa do DARPA (Defense Advanced Research Projects Agency), uma unidade do Departamento de Defesa dos EUA que estava pesquisando e desenvolvendo novas tecnologias para os militares do país. Em 2005 ele entrou para o centro de investigação do FBI, onde ele conduziu sua própria equipe forense antes de se tornar diretor de Contraterrorismo / Contra-Inteligência.
    Na véspera do Natal de 2010, encontrou Aya Brea inconsciente na neve fora de Manhattan St. Thomas Catedral e a abrigou. Na mesma época, ele se tornou o chefe da recém-criada Divisão de Apoio e Estratégia Contra Proliferação da CTD, precursora da CTI .
    À medida que se tornava o pesquisador-chefe do CTI, as suas funções incluíram a de encarregando da equipe de desenvolvimento, como engenheiro sênior, e liderar a Unidade de Investigação reponsável pelo OVERDIVE SYSTEM.


     
    Kyle Madigan:
    Kyle é um misterioso policial de Los Angeles que esteve em busca de um item no abrigo durante os eventos envolvendo as mitocondrias em 2000, daí ele encontrou pela primeira vez Aya e Eve, que viriam a se tornar sua mulher e filha, respectivamente. Kyle e Aya se encontram muitas vezes e em diversas situações, no qual um ajuda o outro a prosseguir. Um tem que confiar no outro para que o trabalho da dupla dê certo em algumas ocasiões, mas será que Kyle tinha sido mesmo confiável? Nascido em Texas, atualmente residia em Manhattan. Ficou na Marinha por 4 anos, e trabalha como investigador particular a aproximadamente 10 anos. No decorrer da sua missão no abrigo, ele foi conhecendo melhor Aya, e viu que não podia enganá-la, e com isso por a vida dela e de Eve em perigo, a qual se afeiçoou muito. Depois da batalha contra a Neo – Mitochondrial Eve, Kyle desapareceu por uns tempos para não por as duas em mais perigos pelo fato de estar trabalhando para pessoas perigosas naquela época. Aya começou uma busca por ele e depois de quase três anos, ele a encontrou, e ambos ficaram juntos, como uma família feliz. Atualmente ele morava junto com os outros na mansão de seu irmão Collin, com Aya e Eve.


    eveq
    Eve Brea:
    Eve Brea aparece em Parasite Eve II e The 3rd Birthday . Ela foi adotada por Aya Brea e Kyle Madigan , no final do jogo. Aya considera Eve sua irmã e não a sua filha.
    Aya encontra Eve no abrigo subterrâneo conhecido como Neo-Ark, onde após retirar o capacete que ampliava seus poderes, fez com que se perdesse o controle que ela possuía sobre as criaturas que estavam na Neo-Ark, Dryfield e no deserto de Mojave, permitindo assim as forças da GOLEM retomarem o poder sobre o abrigo sem nenhuma resistência.
    Após os eventos de Parasite Eve II, Eve passou a ter uma vida normal. Frequentava a escola e vivia como uma criança feliz.
    Quando Aya e Kyle resolveram se casar, uma equipe da SWAT invadiu a igreja e durante uma troca de tiros, na esperança de salvar Aya, Eve tele portou sua consciência para o corpo de Aya através de seus poderes mitocondriais, criando assim o Overdive. Com a  morte do corpo de Eve e a consciência de Aya perdida, deu-se origem aos “High-Ones”, criaturas incrivelmente poderosas e com a capacidade de viajarem no fluxo do tempo espaço da mesma forma que Eve durante seus Overdives.
    Por causa da situação traumática a qual Eve foi exposta, ela acaba perdendo sua memoria, e após ser encontrada pelo cientista Hyde Borh, Eve assuma a identidade de Aya Brea, juntando-se a CTI na luta contra os Twisted na tentativa de recuperar suas lembranças.


    Image348the-third-birthday-screenshot-storage-room
    Kunihiko Maeda:
    Maeda é um cientista japonês que tem grande interesse nos estudos das mitocondrias. Ele não apareceu nenhuma vez em nenhum dos jogos anteriores, mas foi mencionado diversas vezes em PEII, inclusive, foi revelado depois que ele estava trabalhando junto com Pierce Carradine num projeto para criação de um SUPER HUMANO logo após os eventos do game.
    Em 3rd Birthday, Maeda se dirigiu imediatamente a Nova Iorque no exato momento em que soube da aparição dos Twisted’s, alugando um velho armazém e montando um novo laboratório para que pudesse continuar suas pesquisas.
    Após a morte dos membros da CTI em dezembro de 2013 ele passa a trabalhar em conjunto com Aya, auxiliando-a no processo de uso do Overdive já que agora ela não era mais capaz de voltar ao passado por não ter mais acesso a maquina criada por Hyde Bohr.


    The-3rd-birthday-20101102020559760_640w730px-Snapshot_13

    Gabrielle Monsigny
    Gabrielle é uma das agentes especiais da CTI. Especialista em armas de longa distancia (Snipers) formada pela SWAT, ela é a responsavel por ensinar Aya a usar armas de longo alcance durante as missoes da CTI. Gabrielle é muito gentil e se dá bem com todos os membros da CTI, inclusive Hunter Owen, que nao deixa de elogiá-la, ao contrário dos outros membros da CTI os quais normalmente está sempre insultando.
    Nascida em Baltimore, Marylad, ela fez parte da policia de Los Angeles antes de se tornar membro da SWAT, onde sempre estava presenta para tratar situações com refens. Gabrielle teve um envolvimento amoroso com um dos seus colegas na SWAT, porem, ao descobrir que se tratava de um espião, ela o delatou aos seus superiores e ele foi executado. Desolada, juntou-se ao CTI a pedido de Hyde Bohr.
    Após ter sido usada por Aya durante um Overdive, Aya segue suas coordenadas e se encaminha para um lugar apontado por Gabrielle, ao chegar, percebe que o lugar esta deserto. Nesse ponto, Aya é atacada por um Twisted, e descobre que o mesmo é Gabrielle. Nesse mesmo instante, Hunter Owen solta um gas atordoante dentro do escritorio da CTI. Porem, quando tenta ajudar, Gabrielle se desintegra diante de seu chefe, por ter morrido dias antes pelas maos de Aya quando estava dominada por um Twisted.


    Event_16KarudGasMask

    Hunter Owen:
    Hunter “The Boss” Owen cresceu em Joliet , Illinois, se formou em Yale e em seguida se juntou ao FBI. Em pouco tempo chamou a atenção dos seus superiores, se tornando diretor em 2008. No mesmo ano, foi criado o CTI, o qual ele foi nomeado o Chefe. Sentindo-se menosprezado, canalizou seu rancor contra os membros da CTI, exceto Gabrielle, por quem despertou grande admiração.
    De todos, a pessoa por quem mantem o maior ódio é Aya, a quem considera apenas mais uma Twisted, e assim, insiste em mante-la em uma cela, ao invés de da-la um quarto como foi sugerido por Hyde Bohr em várias ocasiões.
    Originalmente, foi morto durante o ataque ao escritório do FBI em dezembro de 2013.


    784px-The_3rd_Birthday_Full_Trailer_07517The-3rd-birthday-screens-20100701093429210

    Thelonious Cray:
    Soldado da Força Delta Americana que se tornou membro da CTI, Thelonious Cray nasceu em Gettysburg, Pensilvânia. Aos cinco anos, seus pais se divorciaram e ele foi viver com a mãe, crescendo em meio a grande pobreza.
    Sua especialidade são táticas anti-terrorismo e combate corpo-a-corpo. antes de trabalhar na CTI, Cray participou de diversas missões altamente arriscadas sob o comando de Capitão Russo. Foi ele quem, sob comando da brigada vermelha, pôs fim a um sequestro ocorrido na Grans Pacific Airlines, garantindo a segurança dos reféns e subjugando os terroristas. essa ação foi o que o fez crescer aos olhos do Capitão Russo e o levou a força Delta Americana.
    A medida que o esquadrão de Capitão Russo crescia em missões de sucesso, sua equipe foi se tornando o orgulho da armada americana e a maior ameaça as forças terroristas. Porem, tudo isso chegou ao fim, despois do fracasso da operação “Neblina Vermelha” (Operation Red Fog) em 2012 a Força Delta foi aniquilada e todos os seus membros foram mortos em combate. Por ter assumido seu novo posto diante do CTI, Cray foi o unico sobrevivente do massacre.
    SMB3zCwxpar3pVzGMLaXLJ599MhGN3veThe-3rd-birthday-20101102020557728_640w
    Dr. Blank:
    Blank é um jovem contornado de mistérios. Seu verdadeiro nome é desconhecido, sendo chamado pela equipe apenas de Dr.  Blank, que na linguagem de computadores quer dizer “Vazio”.
    Blank nasceu em Jangseong, Coreia do Sul. Aos 14 anos foi preso por criar uma nova versão de Trojan/Vírus que usou para roubar dados da NSA. Numa forma de reduzir sua pena, aceitou trabalhar para CIA, onde entre suas funções, estava encarregado de espionagem de redes de servidores de células terroristas. Por medo de ser rastreado e correr risco constante de morte, Blank apagou todos os dados existentes sobre sua vida, se tornando assim, um “fantasma”, sem passado ou presente conhecidos.
    Por ter trabalhado anteriormente com Hyde Bohr em missões para CIA e FBI, foi escalado pelo mesmo para trabalharem juntos no CTI, afim de ajudar a desenvolver controles para maquina OverDive.


    5. Controles [CTR];
    Estarei abordando aqui os controles originais da versão americana do game. Caso opte por outras versões (Japonesa ou Européia), alguns botões podem variar. 
    A jogabilidade segue a mesma linha de um “shooter” em terceira pessoa, típico de Resident Evil ou outros do gênero. Diferente das versões anteriores da franquia, dessa vez Aya não possui os poderes mitocondriais conhecidos, porem, eles foram substituídos por uma nova habilidade, chamada Overdive, que lhe permite saltar de um corpo para outro dos NPC’s dentro do jogo. Além disso, as armas de Aya podem evoluir e serem aprimoradas, melhorando o dano, capacidade de carga, etc. Também foi implementado um novo recurso, chamado DNA Board. Com ele, Aya pode aprimorar e adquirir novas habilidades, que vão desde a melhora na capacidade de regeneração até o poder de “reviver”, caso seja “nocauteado” (mais detalhes na sessão Guia do DNA Board [DNA]).

  • Controles:
  • Direcionais: mudam a visão da câmera;
  • Analógico: movimentam Aya;
  • Start: Abre o menu principal;
  • L: Mira / Seleção de alvo;
  • R: Atirar;
  • Quadrado: Seleciona Armas/ Recarrega / Faz zoom quando com Sniper;
  • Circulo: Atira Granadas / Cancela opções;
  • Xis: Esquiva / Confirma opções;
  • Triangulo: Overdive / Overkill;
    Na tela principal, durante o decorrer do jogo, você vai notar algumas funções, como:
    Para se mudar de Armas durante o jogo, deve-se pressionar e segurar o botão “Quadrado”, e paralelamente, selecionar a arma desejada com o direcional digital. No direcional SUPERIOR Aya sempre vai levar a Bereta 76SA. Essa é a única que não pode ser mudada. no direcional INFERIOR, sempre vai estar diponível para a arma usada pelo NPC.
    snap022
    Para atirar, basta pressionar o botão “L”, de forma a “travar” o seu alvo. Para mudar de alvo, pressione os botões direcionais pra DIREITA ou ESQUERDA, e pressione “R” para atirar. Pressionando o botão Circulo, Aya atira uma granada. As granadas são encontradas no cenário, durante o decorrer do jogo. Aya tem um limite de nove (09) granadas que ela pode carregar. Aya também pode atirar em movimento e se durante a batalha algum inimigo se aproximar, bata pressionar “X” para que ela se esquive do ataque. Além das armas e granadas, Aya possui uma habilidade chamada “Overdive Kill”. Sempre que o inimigo recebe muito dano, aparece um Triangulo amarelo pulsante, que como deduzido, significa que você deve pressionar o botão Triangulo. Ao fazer isso, Aya realiza um Overdive no Twisted, causando um grande dano. Além do dano causado, um Overdive Kill pode trazer novos DNA Chips, que na verdade, é como se Aya coletasse amostras de DNA do Twisted para serem usados futuramente no DNA Board. Darei mais detalhes sobre isso na sessão Guia do DNA Board [DNA]. Quando em um lugar com vários NPC’s, pressione e segure “L” por alguns instantes. Vai aparecer uma barra que vai se encher, e ao final, Aya vai convocar todos os NPC’s e juntos vão todos atirar no mesmo alvo. Esse comando é chamado de “Crossfire”  e só funciona quando há mais de um NPC no mesmo campo de visão do inimigo em que esta mirando Aya.
    snap038
    No canto inferior direito, é mostrada uma lista com os NPC’s disponíveis para Overdive. O que aparece por ultimo é o que você esta usando.  Esse personagem estará isolado dos outros com a inscrição “– DIVED –“ acima da barra de Life. Essa mesma barra estará maior logo abaixo, com uma marca d’água escrito OVERDIVE e o nome do NPC logo acima dela.
    snap021
    Abaixo da barra de Live, você tem uma barra vermelha, com a inscrição “LIBERATION”. Durante um Overdive Kill essa barra vai se enchendo, até ficar completa. Nesse momento, essa barra ficara vermelha e pulsando. Ao se Pressionar Triangulo + Circulo, Aya irá liberar uma grande carga de energia, ficando praticamente Invencível por um período de tempo e com isso, causando grande dano no inimigo, esquivando e se movendo mais rápido. Nesse momento, a arma utilizada muda para Bereta, porem, com um grande impacto de energia nos disparos.
    snap040
    Ao terminar esse período, a barra ficará vazia e começará a se encher novamente. Além disso, a arma equipada volta a aparecer no lugar da Bereta.
    snap039
    Não há um limite de uso para esse recurso, e mesmo que você tenha esgotado sua barra de Life, se você usar esse recurso antes de receber um Game Over, sua barra de Life se enche um pouquinho e você ainda consegue se manter vivo por um período de tempo. Com relação a barra de Life. Caso você fique um tempo parado, ela começa a se encher novamente, como se fosse uma “recuperação”. Dessa forma, caso fique com pouco Life, basta ir para algum local seguro e esperar um tempo para se recuperar, ou mesmo fazer Overdive para algum NPC com mais Life.
    Além disso, outro ponto interessante, é que sempre ao se aproximar de algumas “barricadas” encontradas no decorrer do jogo, Aya tende a usa-las como proteção. Ou seja, basta se aproximar de uma dessas barreiras e Aya irá se esconder atrás dela. Desse modo, enquanto o Twisted carrega seu ataque, você pode fuzilar-lhe com “L+R” e quando ele iniciar um ataque, basta soltar os botões e Aya volta a se abaixar atrás da barreira.
    snap034snap036
    Você pode também, ao se aproximar da barreira, pressionar “X”, então Aya dará um salto por sobre a barreira.
    snap037
    No canto superior direito existe uma espécie de “Radar” com uma seta laranja indicando a posição do seu personagem e uma seta verde indicando a direção que você deve seguir. Com esse recurso, você garante a linearidade do game, nao correndo risco de se perder durante o jogo.
    No canto inferior esquerdo, temos o contador de granadas, com a arma equipada e a quantidade de munições da mesma. Um fato interessante é que sempre que você fizer um Overdive, se a arma que você estiver usando nao for a que veio com o NPC e ela ficar sem munição, se você voltar pra ele, a arma vai ter sido carregada. Isso pode ser interessante caso esteja com uma arma forte e ela fique sem munição.
    no canto superior esquerdo, tem um pequeno indicador, com o nome “RADIO”. Sempre que houver alguma dica ou particularidade referente a alguma missão em curso, esse marcador vai se expandir e mostrar uma legenda explicativa, como um “HELP” ao mesmo tempo que algum personagem do CTI fala com você. Abaixo deste fica o marcador das armas, quando pressionado Quadrado, ele se expande e mostra o armamento disponível, como já citado acima.
    Ao final de cada missão, é mostrado o seu ranking, com sua pontuação e a quantidade de BP acumulado durante a mesma. O ranking mais alto é o A e o mais baixo é o D.
    snap041


    6. Menus e Configurações [MNU];
    Os menus do game são simples e intuitivos, e podem se dividir entre menu “In Game”, que para ser acessado, basta pressionar o botão Start, e o menu do “Control Panel”, acessado pelos terminais existentes no CTI e posteriormente, no esconderijo do Dr. Maeda.
    Control Panel Menu:
    O painel de controle acessado pelos terminais do CTI tem a seguinte aparência:
    snap000
    Primeiramente, do seu lado direito, são apresentados os status do personagem (LV, Life, Exp (atual), Next (falta para o próximo nível)), com DNA Board (OE) que esta equipado e o nível do armamento (WEAPON LV), na parte debaixo desse painel, você pode ver as armas equipadas (WEAPONS). Se você atentar para disposição das armas, verá que são associadas aos botões do direcional digital, usando os botões SUPERIOR, DIREITA e ESQUERDA. Não esqueça, o botão INFERIOR é reservado para uso com o armamento do personagem o qual é feito Overdive e o SUPERIOR reservado a Bereta 76SA que sempre vai estar com Aya, de forma que você estará equipado na maioria das vezes com 4 armas diferentes além das granadas. Estarei explicando isso com mais detalhes adiante. A “Barra” mostrada a frente de cada Arma com seu Level representa a evolução desse nível, ou seja, quanto mais cheia, mais próxima do próximo nível. Para que uma arma aumente seu nível, basta que a use. Quando mais usada, mais rápido ela irá evoluir. Tenho motivos para acreditar que a experiência recebida por Aya durante o jogo para evoluir é também aplicada a arma usada durante o ganho de experiência. Como assim?
    Veja da seguinte forma. Você esta usando o Rifle para arrebentar um “twisted”, porem, quando ele estiver pra morrer, você muda para a Shotgun, a experiência ganha com a destruição do inimigo vai pra Shotgun, não para o rifle. Porem, apesar dessa alegação, ainda nao tenho certeza desse método e estou avaliando para poder ter certeza dessa evolução.
    Na parte inferior, é mostrado seu valor de BP (creio que que sejam Battle Points), que é a “moeda” usada para aquisição de novas armas e partes para as mesmas. além de um “HELP”, que da uma breve descrição de cada opção do menu quando se posiciona o cursor sobre elas.
    Do lado esquerdo, temos as seguintes opções:
    Start Mission: Inicia a próxima missão, dando segmento ao enredo do jogo;
    Over Energy Settings: Opção para customizar e equipar o DNA Board. Essa sessão será mais detalhada no tópicoGuia do DNA Board [DNA].
    Weapon Bank: Nesse menu, você poderá comprar novas armas e partes para customizar as que você já possui. Essa parte será mais detalhada na sessão Weapons & Customization (Armas e customizações) [WNC];
    Protective Gear: Nessa opção, você poderá mudar o vestuário de Aya. essa sessão será mais detalhada no tópicoExtras [EXT];
    Case Training: Nesse menu, você poderá acessar as missões já realizadas, de forma a melhorar o ranking de cada uma, evoluir o personagem / armas, acumular BP, etc. Um detalhe a ser considerado, é que você pode realizar a mesma missão em níveis de dificuldade diferentes, onde sempre será permitido realizar um nível igual ou inferior ao que você se encontra. Explicando melhor. Se você inicia o seu game em modo NORMAL, poderá refazer as missoes no modo Case Training nos níveis, Normal e Easy, sempre com Hankings diferentes para cada nível. Se você jogar no HARD, poderá refazer as missões nos modos Hard, Normal e Easy, e assim sucessivamente, sempre do nível original da missão para o mais fácil. Simples, não?
    Load Data: Usado para iniciar um “save” diferente;
    Save Data: Usado para gravar seu progresso durante o jogo;Menu “In Game”:
    No decorrer do jogo, você pode acessar algumas opções através do menu “In Game”, que vão desde o mapa até as configurações de controles. Vamos a elas:
    snap019
    As primeiras coisas a se notar são na barra superior, que mostra a missão atual (Operation Black Storm por exemplo) e os status atuais de Aya (os mesmos do Control Panel).
    Pressionando-se o botão Triângulo, você muda pro modo de mapa e pode ver sua localização no mapa geral. essa mesma condição se dá ao se acessar a opção Map View.
    snap018
    A opção “Status” mostra o condicionamento do personagem, como Armas, DNA Board, evolução, etc. Você também tem uma visão geral sobre o armamento, como munição, evolução e afins. Mais detalhes sobre as evoluções das armas e equipamentos serão vistas na sessão Weapons & Customization (Armas e customizações) [WNC];
    snap020
    Ainda na tela de status, pressionando o botão Triangulo, você tem acesso a sua OE List (Over Energy List). Que nada mais é que a lista das habilidades adquiridas com o DNA Board equipado. Mais detalhes sobre a OE List serão dados na sessão Guia do DNA Board [DNA]. 
    snap026
    Em “Mission Log”, você tem uma espécie de relatório de operações, com todos os fatos ocorridos na missão. Caso você tenha se perdido em alguma informação, basta ir ao Mission log e rever o fato ocorrido e o que precisa ser feito a seguir.
    snap023
    Os “Feats” são como missões paralelas, que caso completadas podem lhe conceder bônus nas missoes e ainda alguns extras ao final. Mais detalhes sobre os Feats serão vistos na sessão Extras [EXT].
    snap024
    Em “Config“ você será capaz de alterar alguns atributos do game, como controles, rotação da câmera, mostrar legendas, etc… Se você tiver espaço em seu MS, pode até instalar os arquivos do jogo nele, dessa forma, os loadings entre as missoes ficarão menores e mais rápidos, bastando ativar essa opção no menu de configurações.
    snap025
    Os “Cheat Codes” são códigos obtidos durante a conclusão do game. Após encerrar o jogo ao menos uma vez, torna-se possível a liberação de alguns “cheats” que vão desde a liberação de armas até roupas especiais para Aya (Alguém ai falou da roupa e da arma de Lightning, de FFXIII?). Mais detalhes serão vistos na sessão Extras [EXT].
    A opção “Retry” permite recomeçar o capitulo da missão atual, porem, você perderá todos os dados nao salvos. A opção “Ascent” te leva de volta ao CTI, interrompendo a missão no ponto em que você esta, porem, quando for fazer novamente a missão, ela se iniciará a partir do começo novamente. A ultima opção, “Return to title screen”encerra as missoes e te leva de volta ao menu inicial.
    7. Weapons & Customization (Armas e Customizações) [WNC];
    A parte de aquisição, evolução e customização das armas merece certa atenção. Através dos painéis de controle da CTI ou futuramente, no esconderijo de Dr. Maeda, você pode acessar a opção “Weapon Bank”. Nessa opção você tem acesso a três dos quatro slots possíveis de se equipar suas armas. O primeiro slot é exclusivo para pistola 76SA, e nao pode ser trocado, apenas customizado, os outros dois, representam os botões DIREITO e ESQUERDO do direcional analógico.
    snap014
    Cada uma das armas possui suas próprias estatísticas e customizações. o quadro a frente da arma, com as barras, representam o status atual da arma, enquanto que as informações a frente delas representam as customizações.
    Quanto mais você evolui a classe de uma arma, mais customizações são liberadas pra ela. Porem, aqui cabe um pequeno comentário: Nem sempre uma customização de nível mais alto trás só benefícios. Por exemplo, customizações que aumentam a capacidade da arma, podem aumentar seu peso e por consequência, dificultar a empunhadura. Então, esteja bem atento as customizações, mas não se preocupe, toda atualização pode ser desfeita.
    Vamos aos detalhes:
    W-POW: Representa a capacidade de dano da arma;
    B-POW: Representa a capacidade de dano da munição usada;
    B-IMPACT: Representa o impacto causado pela munição usada, esse aspecto é também o que é considerado para nos dar a capacidade da arma de causar “STUN” (Entorpecer) o inimigo, facilitando os OverdiveKills;
    HANDLING: Empunhadura. A facilidade de manuseio da arma;
    RANGE: Alcance da arma;
    Acima do ícone da arma ficam sua capacidade de carga por cartucho e a carga geral de munição que pode ser carregada com aquela arma. Por exemplo, na imagem acima, o rifle YS228 SWAT pode carregar 900 balas, com uma carga de 30 tiros por cartucho (30/900).
    Selecionando uma arma com os direcionais SUPERIOR e INFERIOR, a mesma vai ficar com uma borda inferior e a cor laranja. Pressionando-se o botão “X” sobre ela, abrem-se as opções:
    snap029
    Change and Buy Weapons: Nessa opção, você será levado a uma lista de armas para comprar. Para que essa lista se complete, você precisa fazer Overdive para os NPC’s que possuírem armas que você ainda nao tem ou nao usou, ou então completar certas missões. Para ver qual NPC possui uma arma que você nao tem, basta que se atente ao sua lista de NPC’s, no canto inferior direito. Aquele que aparecer com um ícone no formato de uma arma na frente do nome, possui uma arma nova.
    As armas são adquiridas usando-se BP (Battle Points), que são ganhos durante as missoes ao se eliminar um inimigo, e estão divididas em categorias.
    snap033
    Como mencionado antes, para que uma arma esteja disponível, é necessário encontrar um NPC com a arma ou realizar certas missoes. Você pode navegar entre as categorias usando o botão direcional e após escolher uma categoria, pressione “X”. Após selecionar uma arma, pressionando “X” novamente será apresentada uma tela perguntando se deseja equipar a arma selecionada. Caso esteja comprando a arma mas nao queira selecionar, pressione “Circulo” e ela apenas será desbloqueada.
    snap044
    Caso nao tenha BP suficiente será mostrado um alerta. Lembre-se: a arma principal de Aya (76SA) não pode ser trocada, apenas customizada.
    Customize: Nessa opção, você vai poder melhorar ou adicionar novos atributos as suas armas. vale lembrar que os atributos mais a direita são os melhoramentos mais avançados, porem, nao quer dizer que tenham os melhores atributos, como mencionei anteriormente.
    snap043
    Para instalar uma customização, basta selecioná-la e pressionar “X”. Partes com um desenho de cadeado nao podem ser adicionadas nem compradas, pois dependem de alguma evolução pra estarem acessíveis.
    Após equipada a customização, ela irá aparecer na frente dos status da arma, na tela do Weapon Bank.
    A opção “Remove”retira a arma do slot.

    7.1 – Armas

    Abaixo estarei listando as armas que consegui desbloquear até agora, com seus prós e contras. Para tanto, considere o seguinte:
    Nesse ponto, me baseei numas informações que encontrei no site GameFaqs, que me ajudou a entender algumas coisas. Entao usarei os mesmos criterios e tentarei ser o mais direto e claro possivel. o site esta em ingles e o link para o artigo que eu usei estará no final do detonado.

    Termos usados:


    DPB – Dano por bala (ou cartucho no caso de shotguns). É basicamente o dano causado por cada bala sozinha.

    D3S – Dano em 3 segundos. A quantidade de dano causado em por uma arma num curto período de 3 segundos. pode nao parecer, mas esse é um fator muito importante, se levar em consideração que armas que causam grande dano podem num total geral de 3 segundos nao causar tanto dano quanto uma arma de DPB menor, visto que geralmente tem pouca munição ou mesmo levam muito tempo para recarregar. Isso pode ser um fator considerável se levar em conta cenários com 3 ou mais inimigos simultaneamente.

    DTC – Dano em Tempo Continuo. Quantidade de dano causado por uma arma em tempo continuo, sem recarga. Uma arma capaz de causar grande dano tende a ter um DTC baixo, devido a pouca munição, alto tempo de recarga e outros fatores. Isso também deve ser considerado, em casos onde você esteja lutando contra vários inimigos fracos, mas em grande quantidade. Caso demore muito a recarregar, pode acabar ficando desprevenido em algum momento.

    DTL – Dano Total. Esse indicador se refere ao total do DPB multiplicado pela capacidade de carga da Arma. Ou seja, vai te mostrar o dano que uma arma pode causar até ficar completamente sem munição.

    UPE – Upgrade Especial. Alguma parte da arma que para ser desbloqueada depende da realização de alguma conquista ou missão. Esses geralmente são pontos muito peculiares e importantes para uma arma, e geralmente podem ser liberados mesmo que voce nao os compre via Weapon Bank. A maioria dos upgrades especiais são pra muniçoes, quando do contrario será apontado.

    POWER – Poder de Impacto. Para evitarmos confusão, é bom deixar claro que DANO é o quanto de life é tirado do inimigo (B-POW), enquanto que Power é o poder de impacto da arma (B-Impact) e o quao rápido ele pode induzir a ao choque o inimigo (dano para uso de Overkill).

    RESERVA – Quantidade de munição. “Magazine” refere-se a quantidade de munição por cartucho (ou carga, no caso da shotgun), Enquanto que reserva se refere a carga total da arma até que a munição se esgote de vez.

    7.1.1 – Pistolas (Handgun)

    • DTL elevado (Exceto revolveres)
    • Carregamento do Liberation mais rápido
    • Recaregamento rápido
    • DPB baixo
    • D3S baixo
    • Aumento rápido de nível
    • RESERVA balanceada

    (Estarei dando uma pausa na explanação sobre as armas para atender a pedidos do pessoal que tem requisitado (e muito) que eu fale do DNA Board. Retomarei a explanação sobre as armas na sequência.)

    10. Guia do DNA Board [DNA];

    Bom amigos, vamos entao ao motivo da maioria de voces estarem aqui, lendo esse post, longo, demorado e que leva dias para ser atualizado, o DNA Board.

    Para que se entenda bem como o mesmo funciona, voce deve considerar primeiro o seguinte: O sucesso ou fracasso no jogo, esta diretamente ligado ao DNA Board e as suas configurações de OE Settings. Por que?

    Nos jogos da franquia anterior de Parasite Eve, Aya possuia seus poderes mitocondriais que a ajudavam controlando outros NPC’s e coisas do tipo. Em  3rd Birthday essas caracteristicas foram subsituidas pela capacidade de realizar OverDive nos NPC’s, controlando-os diretamente “de dentro”, porem, ela nao consegue mais usar os poderes de antes. A vantagem do Overdive, é que a cada vez que você o realiza, seja em um NPC ou seja num Twisted, pode ser que você receba algo chamado OE Chip. Os OE Chips são como pequenas plaquinhas de amostra de DNA, coletadas ao decorrer do jogo, e são essas plaquinhas de DNA que vao salvar literalmente sua vida. Respondendo a pergunta anterior do porque as configurações de OE Settings são a razão de seu sucesso ou fracasso, basta saber que tudo se baseia nessas OE Chips, e que elas são as responsaveis por dar atributos especificos a Aya, garantindo atraves desses atributos várias vantagens no decorrer do jogo, que vão desde o aumento na taxa de “critical hits” (capacidade de causar altos danos) até a possibilidade de ressucitar caso seja morto por um twisted.

    Mas chega de conversa e vamos ao que interessa.

    10.1 – OE Setings

    As OE Settings só podem ser manipuladas atraves dos paineis de controle da CTI ou nos pontos de encontro (Safe House) atraves da opção Over Energy Settings.

    snap0001

    As opções do OE Settings são:

    • Over Energy Install: Usado para instalar novos OE Chips nos seus DNA Boards;
    • Over Energy List: Para listar os OE Chips instalados em seus DNA Boards (pode também ser usado o botão Triangulo);
    • Equip: Seleciona um dos DNA Boards para ser usado;
    • Format: Zera os slots do DNA Board para que voce possa recomeçá-lo do zero novamente;

    10.2 – DNA Board

    O DNA Board é um painel, que possui 9 quadros distribuidos numa grade de 3×3. Aya pode possuir até 3 desses paineis, porem, só pode usar um de cada vez. Para que o DNA Board se torne útil, voce precisa equipá-lo com os OE Chips, encontrados durante os processos de Overdive / Overkill.

    snap002

    10.3 – As OE Chips

    Como dito acima, sempre que realizar um Overdive / Overdivekill, você pode ou não receber em troca uma nova placa de OE Chip. As OE Chips podem variar em TIPO, TAMANHO e COR, sendo da seguinte forma:

    • TIPO: Podem variar entre Normal DNA, Rare DNA e Evolved DNA, sendo o seguinte:
      • Normal DNA: O tipo mais comum. Geralmente será encontrado em maior numero e quase todos, tanto Twisted’s quanto NPC’s terão eles e em sua maioria são compostos por varias esferas de DNA do mesmo tipo.
      • Rare DNA: São chips mais incomuns. podem vir em combinações de esferas diferentes e garantem uma melhora consideravel em seu DNA Board. Também podem ocasionar mutações durante o processo de instalação dos mesmos num DNA Board, geralmente quando se instala sobre chips ja instalados, o que pode melhorar mais ainda seus resultados.
      • Evolved DNA: Esse sim é um OE Chip de respeito. É o tipo mais raro, geralmente encontrado com chefes e inimigos mais durões. Essa OE Chip nao deve nunca ser descartada e quando encontrada pode gerar mutações muito dificeis de se conseguir normalmente com OE Chips normais e raras. Lembre-se, se encontrar uma dessas, guarde. Serão muito uteis no decorrer do jogo.
    • TAMANHO: Podem vir em conjuntos de uma, duas ou tres esferas de DNA. Além disso, podem ser apresentados na vertical ou horizontal, alem de poderem ser todos do mesmo tipo e cor ou intercalados;
    • COR: as OE Chips podem ser classificadas por “tipo de reação”. Essas reações são identificadas pelas suas cores, que permitem a Aya usar seus beneficios durante certas condições. As cores são:
      • AZUL: Essas OE Chips são do tipo passivas, ou seja, nao precisam de condições específicas para serem ativadas, mas geralmente representam apenas ganhos de performance com defesa e ataque, nao dando nenhuma caracteristica especial. Por exemplo, uma esfera AZUL do tipo ENERGY DEFENSE aumenta sua defesa fisica, enquando uma do tipo RAISE garante a possibilidade de ressucitar caso seja morto em batalha.
      • VERDE: Essas OE Chips são ativadas apenas durante um Crossfire, e geralmente beneficiam os NPC’s que estiverem participando do ataque. Elas podem desde acelerar a recuperação do NPC até aumentar sua defesa a ataques durante o combo.
      • LARANJAS: Essas aqui dão alguma vantagem durante o Overdive. Vão desde a recuperação de life durante o processo até o aumento de chances de achar um OE Chip mais raro.
      • AMARELAS: Essas são para uso em Overkill’s. Podem garantir aumento de dano, melhora nas chances de pegar chips raros, maior aumento na barra de liberation, etc…
      • ROXAS: Essas são usadas para processo de LIBERATION. Dao vantagens como recarregamento das munições, recuperação de life, etc. São as mais raras e que tem a maior variedade de vantagens (espere ate ver a OE “Inferno” hehehehehe…). O único contra é a dependência do processo de LIBERATION.
      • VERMELHAS: Funcionam da mesma forma que as AZUIS, porem, com efeito inverso. Não é bom telas em seu DNA Board, visto que causam desvantagem, porem, algumas OE’s raras são conseguidas apenas se combinadas com as vermelhas, entao as tenha apenas para garantir a mutação, nunca saia para uma missao carregando uma OE VERMELHA no seu DNA Board.

    Cada esfera de DNA possui, alem de uma caracteristica (aumento de dano, defesa, recuperação, etc…) possui também um numero equivalente ao seu Level (LV) que é a representação da capacidade efetiva da espera no seu DNA Board. Quando mais alto o Level, mais efetivo sera o beneficio que ela tras. Porem, essas essas esferas só podem chegar a um Level maximo de 25. Esse Level é cumulativo, ou seja, se vincular um Chip com uma certa habilidade em level 5 por exemplo, com outra, esse valor pode tanto subir quanto descer, sempre dependendo do level na nova OE Chip instalada.

    Alem disso, Aya não pode carregar mais de 30 OE Chips por vez, o que te obriga a sempre fazer as mutações ou descartar as OE Chips que não for utilizar. Para descartar uma OE Chip, basta selecioná-la durante o processo de mutação com o botão Quadrado, e a mesma será descartada. Não é possivel descartar OE Chips já instalados no DNA Board. Alem disso, ao descartar 100 Chips, você ganha um chip raro ou evoluido.

    10.4 – Realizando mutações de DNA no seu DNA Board;

    Para realizar as mutações, basta selecionar no menu de Over Energy Setings a opção Over Energy Install. Voce será questionado sobre qual DNA Board vai usar (caso ja tenha mais de 1) e selecionando o mesmo, será levado a tela de mutações.

    snap011

    snap012

    Na tela acima, temos do lado direito as OE Chips ja instaladas no DNA Board, e do lado esquerdo, tenho uma lista com os OE Chips disponiveis para mutação. Ao navegar entre eles é possivel ver o que cada um possui de atributos que podem ser mixados ao meu DNA Board, como Caracteristicas e o Level.

    Após escolher o chip desejado, posicione o mesmo no seu DNA Board para fazer a mutação. Ao pressionar X, será mostrado o resultado final da mutação, como pode ser visto abaixo.

    snap003

    No caso acima, a mutação nao seria muito vantajosa, ja que a habilitade Reestoc (lv 6 > lv 2) e ODD’s UP (lv 2 > lv 1) cairiam bastante. Nesse caso, pressionaria o botão Quadrado, fazendo um Retry (tentar novamente), até conseguir algo mais vantajoso. Poderia fazer isso por horas ate conseguir uma combinação que agradasse, mas o resultado sempre vai depender do Chip que estiver utilizando.

    Alem disso, vale lembrar que as mutações também podem variar de tipo, sendo elas:

    • DNA Mutation:
      • A – Normal: Mutação comum, geralmente nao causa nenhum efeito muito diferente do normal.
      • B – Benign: Mutação que costuma causar alguma melhora de atributos ou a geração de uma nova esfera que nos de algum benefício.
      • C – Mutant: Uma ótima combinação. Geralmente resulta em um OE Chip raro ou mesmo evoluido.
      • D – Malign: Uma mutação que causa perda ou infecção de uma outra OE Chip. Essas mutações causam desvantagens, porem, se misturadas a outras OE Chips, podem trazer vantagens maiores, como a geração de OE’s mutantes, trazendo grandes vantagens futuras.
    • OE Level:
      • All Clear: Normal, uma boa evolução. esse aspecto influencia todo DNA Board.
      • Qualquer outra: O Level de suas combinações pode cair.

    A partir disso, tome bastante cuidado, pois a criação de uma OE Rara muitas vezes pode não ocasionar tantas vantagens quanto se espera. Tenha criterio nas mutações e nao terá maiores problemas.

    Ao realizar uma mutação, é apresentada uma lista com as OE’s equipadas e seus níveis, como abaixo:

    snap013

    Navegando entre os itens com direcional você tera abaixo uma pequena explicação sobre a função de cada uma.

    Pode parecer complicado, mas o uso do DNA Board é bem simples e pode, como dito antes, significar a oscilação entre sucesso e fracasso em suas missoes. Mais a frente, conforme for evoluindo mais minhas OE Chips, estarei disponibilizando uma lista com cada uma e seus efeitos.

     


About these ads
Comentários
  1. charlie disse:

    ué, mas cadê o restante do detonado?

  2. MAVERICKJUNIO disse:

    ôla amigo! e o resto do detonado?

  3. MAVERICKJUNIO disse:

    o seu guia só vai até os personagens? cadê o resto?

  4. Douglas disse:

    parabens cara ta muito bem explicada a historia,joguei o de play one a muuito tempo Rs , começei a jogar o The 3rd Birthday hoje no psp ,acabei de passar pro episodio 2 : operation black storm,e to justamente querendo entender esse DNA Board Guide ,abraço e vlw por compartilhar

  5. Lucas Matos disse:

    Continua o post mano, ta mto bom até agora…

    abraço

  6. Ash disse:

    Muito bom!!!!!!!!!
    mas, voce desistiu desse detonado???
    estou interessado na parte do dna board, mas nao o achei
    nao desista!!!!!!
    voce escreve bem(ortografia e concordancia)
    e é bem organizado.
    Otimo trabalho

    abrass

  7. lilith disse:

    “você quer o jogo? então compra!!” adorei.. não conhecia parasite eve nem aya brea até jogar dissidia 012 ( a personagem lightning do final fantasy xiii: tem como mudar a roupa dela pra ficar que nem a da aya) achei um máximo, o jogo realmente é muito bom, e com cgs lindas…como você disse, um jogo indispensável no acervo ^^

  8. Luiz disse:

    Excelente cara.. gostei principalmente das partes onde são contadas as histórias dos Parasite Eve’s e dos personagens. Muito bem feito. Sou muito fã da série Parasite Eve, jogo desde o primeiro.

    Agora quando você tiver um tempo para atualizar, seria interessante que você incluísse também uma explicação ou o seu ponto de vista sobre o zeramento do The 3rd Birthday, pois achei bastante complexo e ao meu ver existem muitos acontecimentos sem explicação… =\

    • efologan disse:

      Essa parte de expressar meu ponto de vista farei mais adiante, pois não quero quebrar o clima do jogo. Quanto a complexidade, não duvide, é sim complexo, porem, é nesse ponto que o jogo prima, pois não é nada que não se consiga jogar, assim como é imersivo o suficiente pra te prender mais e mais, até que consiga fazer as melhores customizações e melhoras de equipamentos. Independente disso, é um jogo impar no acervo do PSP.

    • Arthur disse:

      Adorei a explanação do Parasite Eve, mas Kunihiko Maeda foi um grande aliado cientista de Aya em sua primeira aventura (foi ele quem preparou as balas “anti-mitocondriais” para o último chefão). e nesse The 3rd …. podem ser carregados 5 ou mais Chips OE. Eu só zerei 4x (1-Normal,2-Hard,3-normal,4-hard) e já tenho 5 boards quase que todos os espaços entre lv.20 e 24 nos 9 espaços. Eu sou um grande admirador de PE.

  9. Marianne disse:

    Comecei a jogar The 3rd Birthday e me apaixonei pelo jogo. Gostei do enredo, da história em si. Muito bom mesmo. Adorei seu texto! Muito bem escrito e organizado, como foi comentado a cima. Descobri seu blog quando resolvi procurar pelo detonado. Cheguei em um momento que ñ sabia o que fazer. Li seu texto e soube que eu podia coletar o DNA dos twisted. Também soube que aquela barra “Liberation” tinha alguma utilidade além de ficar piscando…rs. Foram essas informações que me auxiliaram a concluir o episódio. Quando possível, escreva a respeito da DNA Board. Gostaria de compreende-la melhor e fazer melhor uso. Ah! E claro, seria ótimo se escrevesse o detonado. Seria de grande auxilio.
    Estou à espera de novidades!
    õ/

    • efologan disse:

      Marianne, obrigado pelo seu feedback. A intenção é mesmo concluir o detonado. Infelizmente, não tenho conseguido o tempo livre necessário para concluí-lo, mas farei em breve. Creio que para a próxima semana tenha a parte do DNA Board concluida para que possam usa-la. Caso deseje, me envie mensagem com contato (Email / MSN / Skype) e tentarei auxilia-la enquanto o guia nao fica pronto.

  10. alex disse:

    gostaria de acrescentar q sendo o dna do mesmo tipo fazendo uma linha interligada de 3 a habilidade aumenta consideravelmente.

    • efologan disse:

      Comentário válido, porem, vale também acrescentar que quanto mais ligações do mesmo tipo você fizer, menos slot’s sobram pra acrescentar novos dna’s, entao nao creio que seja muito vantajoso acumular sequencias iguais, e que melhor seria junta-los no mesmo campo durante a mutação.

  11. Gilberto Dias disse:

    Muito util!!!

  12. Urias Ramos disse:

    Olá! Gostaria de saber como faço para passar do “Ripper” pois não consigo nem sangra-lo por favor me ajude!

    • efologan disse:

      Urias, desculpe a demora, estive fora vários dias e nao tenho conseguido acessar o blog a um bom tempo, seja pra atualizá-lo, seja para responder as perguntas.

      Quanto a sua questão, o processo é o seguinte.
      Nas primeiras vezes que enfrenta o Ripper, você não consegue matá-lo, e só resta a você correr, se esconder e ir fazendo Overdive nos NPC’s que vão surgindo. Não há outra forma de passar, pelo menos não por enquanto. Você só consegue matá-lo quando tiver a arma laser, que quebra a couraça dele deixando exposto a armas comuns, mas isso é só la no final do jogo, todas as vezes que o encontrar anteriores a isso, só te resta fugir como um louco e tentar sobreviver…

  13. alex disse:

    como pegar a roupa e a arma de Lightning de FFXIII
    é possivel na versao americana? vi que precisa de algo chamado STAMP.
    que é exclusivo na versao japa.
    nao comecei a jogar ainda pq estou louco para saber se pode usa-la logo de inicio!!

    • efologan disse:

      Na versão japonesa, você tem duas opções:
      1 – Entrar no site da square enix members e coletar 7 stamps, que na verdade são uma especie de selos, que você ganha ao realizar certos eventos no site, como responder algum quiz ou coisa do genero;
      2 – Zerar o jogo, em qualquer dificuldade, pelo menos 30 VEZES (coisa de maluco…)

      Na versão americana, você precisa completar pelo menos 50% dos eventos paralelos do jogo (Feats) em dificuldade hard ou superior.
      Para ver os FEATS, basta pressionar Start, enquanto numa missão, e selecionar a opção FEATS. Elas vão desde passar direto por um Rover, até saltar todas as barreiras da fase, e assim por diante. Não pense que será tarefa fácil, mas vale a pena. Ao todo são 38 Feats, e ouvi dizer que você precisa de 57, ou seja, teria que pegar todos os 38 no modo hard, mais 19 no deadly ou superior por exemplo. Ouvi relatos de pessoas que terminaram a versão americana 9 vezes e conseguiram desbloquear essa roupa, mas ainda não tentei isso…

  14. cock big fear nas disse:

    o maeda aparece no primeiro jogo!

  15. Rodrigo disse:

    Bom dia efologan, primeiramente gostaria de parabenizar pelo ótimo trabalho com esse interlude do Parasite Eve. São pougos fãns que compartilham seus conhecimentos com o objetivo de facilitar a vida de muitos jogadores. Gostaria de saber se exiastem planos de conclusão para esse detonado. O meu PSP chega semana que vem e estou louco para jogar esse jogo. Grande abraço

    • efologan disse:

      Sim, tenho sim… o meu problema é o tempo, que não tem me permitido ser mais dedicado ao blog, mas ja tenho quase pronto todo detonado, falta apenas subir as informações mais atualizadas. Assim que possivel o farei e avisarei a todos os que comentaram… abraços!

  16. paulo disse:

    Muito boa estas informações de DNA. Continue assim.

  17. Ótima matéria. Só uma correção: o Kunihiko Maeda aparece no Primeiro Parasite Eve. Ele aparece bastante, ajudando Aya a investigar o ocorrido e se não me engano, ele desenvolve uma bala especial para matar o filho da Eve.

  18. Cleber disse:

    Valeu Sr Everton comprei um psp a dois meses para jogar a caminho do trabalho, terminei alguns
    games chatos e estava jogando alguns games antigos usando emuladores. Depois comprei um silent hill origens e adorei fiz uma busca por games interessantes e só de ler seu tutorial comprei o 3rd birthday. joguei o começo da serie no Ps1 Gosto muito das antigas principalmente Metroid que terminei no nes, snes e gba. Sera que tem algo parecido no psp?
    Deve ser muito cansativo manter seu tutorial porem também muito prazeroso. Não o faço por realmente não ter tempo. Mas desde já grato e hoje começo a batalha.
    Um abraço Cleber

    • efologan disse:

      Caro Cleber, fico feliz que tenha gostado, infelismente ja tem bastante tempo que nao tenho conseguido tempo pra concluir esse trabalho e pra piorar, meu PSP apresentou um pequeno defeito no direcional analogico e na tela, me impossibilitando de jogar e terminar o detonado. Estarei consertando ele o quanto antes e a primeira coisa que quero fazer e concluir esse detonado e iniciar outros de jogos diferentes.
      Quanto a sua pergunta sobre haverem jogos semelhantes a Metroid no PSP, nao tenho certeza, mas existem vários bons “shotters”, como Killzone e jogos de ação como Dantes Inferno. Você também pode jogar Metroid no PSP usando emuladores, como o Snes9X em sua versao pra PSP.

  19. Evo disse:

    Como passo do Monstro Gigante Na Primeira Missão?

  20. Evo disse:

    Sabe aquele “Chefe” da primeira missão?!O que aparece a cabeça dele na primeira parte e depois o corpo todo,Como derrotamos ele?(Fiquei um tempão até descarregar o PSP e não consegui)

  21. Muito obrigado, foi bem util esse tutorial,
    sanou todas minhas duvidas sempre o DNA board

  22. Cara, isso ajudou bastatente, mesmo eu usando o jogo em espanhol…

    O único problema que eu vou ter com essas esferas de dna é a diferenciação por cores, já que sou daltônico, mas consigo dintinguir e ficar longe das vermelhas ^^

  23. sidney barros disse:

    a parte do DNA bord me ajudou muito . eu sempre deixa uns vermelhos achando que piorava algo mas melhorava outra coisa vlw.

  24. osvaldo disse:

    nunca iria imaginar que o psp fosse escolhido para rodar esse grande titulo que eu ate então não conhecia pois joguei parasite ive 1 e 2 no psx mais nada se compara com o 3 do psp confesso fiquei perplexo diante de todo o conteudo grafico e estoria voces estão de parabens por terem feito este detonado do mesmo

    • efologan disse:

      Obrigado pelo feedback… que bom que gostou!
      Infelizmente a muito tempo não tenho achado tempo hábil para terminado. Acredito que não esteja nem 15% do meu objetivo inicial. Espero um dia conseguir concluí-lo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s